Rascunho versos. Neles, sentimentos.

sexta-feira, 25 de novembro de 2011

SÓ TENHO MEUS VERSOS





SÓ TENHO MEUS VERSOS

Poderes mágicos,
poções encantadas:
não domino tais fórmulas!
Quisera ser privilegiada,
deitar-me na relva macia
e materializar-te em minha companhia.
Mas não posso, só tenho meus versos
e comportamento um tanto discreto.
Contento-me borboleta
a pousar sobre uma roseira
no canteiro do teu jardim.
Na esperança de notar-me,
ou quem sabe, aprisionar-me
nas delícias do teu amor.

©rosangelaSgoldoni
26 11 2011
RL T 3 357 163

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será bem-vindo!