Rascunho versos. Neles, sentimentos.

domingo, 19 de junho de 2011

JANELAS




Algumas indiscretas,
são janelas reveladoras;
outras tão secretas
escondem amantes e dores.
Cortinas de renda ao vento,
laços de fita em cetim;
algumas, blackout contemplo
por dentro domina o carmim.
Janelas com grades, prisão,
persianas vislumbram saudade;
eu que sou inquietação,
alterno o estilo e a paisagem:

de noite, escuridão,
de dia, brilho e vaidade.


©rosangelaSgoldoni
18 06 2011
RL T 3 045 659

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será bem-vindo!