Rascunho versos. Neles, sentimentos.

sábado, 14 de julho de 2012

ETERNA JUVENTUDE


Imagem:
Francine Van Hove




ETERNA JUVENTUDE


Olho-me sem retoques no espelho,
não entendo como isto aconteceu,
meus olhos já não brilham como antes,
minha pele, bem tratada, envelheceu.

Na utopia da eterna juventude
Tentei acreditar sem perceber,
Que o tempo, abstrato e inclemente,
Fechar-se-ia ao meu redor desde o nascer.

Dos cremes abusei, fui cuidadosa,
Mas as rugas refletidas estavam ali.
Vou cobrar as propagandas enganosas?
Enganosas, mas com elas convivi.

E a dura realidade retratada
Desperta-me de um sonho assustador
Juventude é uma fase e não demora
Quando passa não resiste ao refletor...

rosangelaSgoldoni
06 11 2010
R L T 2 678 252


Publicado na Antologia “Poemas à Flor da Pele”, volume 5, 2012  Editora Somar Porto Alegre





2 comentários:

  1. Rosangela, bela poesia, refletindo a realidade do passar dos anos, ou os mistérios da vida. Tal como "O Retrato de Cecilia Meireles" : "em que espelho perdi a minha face"

    ResponderExcluir
  2. Genial Acharles Aznavour!

    ResponderExcluir

Seu comentário será bem-vindo!