Rascunho versos. Neles, sentimentos.

domingo, 15 de julho de 2012

ABECEDÁRIO POÉTICO




ABECEDÁRIO POÉTICO


Vogais
e consoantes
embaralham-se
no meu teclado.
Ponho em ordem a confusão.
Sílabas,
fonemas
surgem na tela
em aparente coesão.

Haja imaginação!

Procuro agir com cautela,
mas abuso da exclamação!
Amparo-me das garatujas
cometidas sempre à busca
do poema real-emoção:
abro meu guarda-chuva,
as letras perdem-se em gotas
e pontos de interrogação.

Aprendiz de poeta ensaia,
emerge de um conto de fadas,
em busca de inspiração.
É quando, então, se dá conta,
de que a poesia repousa
num cantinho do seu coração.

Despertá-la é sua missão!
 ©rosangelaSgoldoni
15 07 2012
RL T 3 778 393

Publicada na II Antologia Poetas Fazendo Arte em Búzios, 2013 Editora Somar

2 comentários:

  1. Querida estou seguindo seu blog...que lindo, suas poesias são tão...tão doces, aquelas que te dá vontade de ler outra vez e cada vez que lê conforme estiver seu coração tem um sabor de conselho dado...(entende?)

    ResponderExcluir
  2. Obrigada pela leitura e carinhoso comentário.
    Obrigada, também, por seguir-me!
    Seja bem-vinda!

    ResponderExcluir

Seu comentário será bem-vindo!