Rascunho versos. Neles, sentimentos.

quinta-feira, 12 de janeiro de 2012

POESIA EM DIA


Tela: Heitor dos Prazeres


Chego em casa
na madrugada,
alma lavada,
poesia em dia!

Convivência de versos,
na Lapa observo
permanente congresso
da boemia.

Minh’alma descança,
meu céu esperança
revela-se sem máculas.

Cansaços revistos,
meu tempo improviso:
liberto e sem máscaras.

©rosangelaSgoldoni
12 01 2012
RL T 3 436 801



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será bem-vindo!