Rascunho versos. Neles, sentimentos.

terça-feira, 11 de outubro de 2011

MINHA ROÇA





Minha roça tem gardênias
e alguns pés de manacá;
além de belas hortências
azuis da cor do mar.

Mas o mar fica distante,
tão longe, não posso avistar;
só quero olhar os montes
deitada na rede a sonhar.

Acordo com os passarinhos:
tiés-sangue, colibris;
sanhaços e canarinhos
em melodias sutis.

Minha roça tem gardênias
ondem passam juritis.

À noite parece loucura:
converso com as corujas.
Mas quando você aparece,
esqueço tudo e, em prece,
ponho-me feliz a sorrir.

Minha roça tem encantos,
poucos podem entendê-la;
além da boa energia
transparece a mais pura beleza.

Dos riachos às montanhas
um painel que a vida festeja.

©rosangelaSgoldoni
2008
RL T 2 444 556
revisado em 08 10 2014


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será bem-vindo!