Rascunho versos. Neles, sentimentos.

quinta-feira, 8 de março de 2012

UMA TARDE DE VERÃO


Imagem: VladimirVolegovRhapsody



Pouso,
repouso
numa tarde de verão.
Arde um poema!
Ao longe a siriema
anuncia a escuridão:
parte em busca do seu ninho.
Recolho-me à solidão.
O telefone toca,
um tanto fora de hora,
mas é bem vinda a ligação.
O poema aflora,
inspiração que não demora,
você, minha canção!

©rosangelaSgoldoni
08 03 2012
RL T 3 541 681

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será bem-vindo!