Rascunho versos. Neles, sentimentos.

sábado, 17 de setembro de 2011

TURBILHÃO DE SONS





Há dias em que a maré explode,
invade calçadas,
detrói amuradas:
eu grito por você!
Parece sussuro frente ao
absurdo
do turbilhão de sons
que oculta minha voz!
Mas quando retorno à praia,
a maré baixa, espelho d’água,
você deixa de ser miragem.
Esqueço todas as mágoas
e,  sorrindo, sou perdão !
©rosangelaSgoldoni
05 08 2011
RL T 3 224 250

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será bem-vindo!