Rascunho versos. Neles, sentimentos.

segunda-feira, 4 de abril de 2016

LINHA DE FLUTUAÇÃO






Em[barco]
abaixo da linha de flutuação.
Convés de passarelas
dantescas,
palcos de sublimação.
Deságuam estrelas
sobre o tridente de Netuno,
mito e refúgio
nas cortes da solidão.
Seria o destino
ou
refluxos do não remar?
Por precaução,
retorno à linha do horizonte imaginário.

©rosangelaSgoldoni
14 03 2014
RL T 5 594 246


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será bem-vindo!