Rascunho versos. Neles, sentimentos.

sexta-feira, 9 de novembro de 2012

A MAGIA DA ALEGRIA






Meus versos andam tensos,
pesados,
apesar da paz interior sedimentada.
Nuvens à deriva ensaiam desaguar
sobre minha cabeça.
Esquivo-me com a firmeza
dos que tem a certeza
do dever cumprido:
o travesseiro não me contesta.
Continuo meu trajeto,
não dou tratos à mesquinharia.
Vou sozinha ao encontro de nuvens
que deságuem poesias;
agitem-se ao dos canto dos pássaros
espargindo,
com plenitude,
a magia da alegria!

©rosangelaSgoldoni
08 11 2012
RL T 3 974 738

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será bem-vindo!