Rascunho versos. Neles, sentimentos.

terça-feira, 9 de agosto de 2011

O VESTIDO DE SEDA




Aquele vestido de seda
que usei pra te seduzir,
descansa num canto do armário
à espera de um novo vestir.

O piano te aguarda tristonho,
o castiçal, sem motivo, apagou;
reinvento projetos e planos,
a saudade, insana, ficou.

Mas, vesti-lo, agora, é um sonho

que persigo e não vou desistir.


©rosangelaSgoldoni
10 08 2011
RL T 150 743

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será bem-vindo!