Rascunho versos. Neles, sentimentos.

domingo, 7 de agosto de 2011

DA FASE CRIANÇA NÃO DESISTI


Houve o tempo de ser criança!
Não me lembro se fui feliz,
mas os sonhos e esperanças
borbulhavam dentro de mim.

Houve um tempo, eu era criança!
Amarelinha, no chão a giz,
as juninas eram festanças
e os livros, pra mim, chamariz.

Deixando de ser criança
muitos sonhos realizei,
aprendi a ter confiança
e, aqui, agora, cheguei!

Passou o tempo de ser criança,
mas as lembranças deixam-me assim:
meio inocente ou meio chorona,
da fase criança não desisti.

©rosangelaSgoldoni
07 08 2011
RL T 3 144 453

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será bem-vindo!