Rascunho versos. Neles, sentimentos.

quarta-feira, 14 de janeiro de 2015

LIMITES DO PENSAMENTO (FIAPOS DE LUCIDEZ EM UM BRINDE À POESIA - Niterói, RJ)

EVENTO PROMOVIDO POR LUCILIA DOWSLEY EM 14 01 2015
'DIVULGA LIVRO"







LIMITES DO PENSAMENTO

O homem tenta dormir.
O sono não vem.
E o homem precisa dormir.
Por que o sono não vem?
Vida estúpida!
Mas o que é vida?
Nascer, estudar,
trabalhar e um ponto final?

E o sono não vem!
O que é o sono?
Suspensão dos sentidos?
E o homem pensa...
Por que estou aqui,
o que faço por aqui?

Sou animal racional
vivo num mundo louco.
O que é o mundo?
Por quem e por que foi criado?
Deus!
Quem é Deus?

A lua brilha lá fora.
-recebe o reflexo do sol-
e por isso, brilha.
Por quê?

Pobre homem que
demanda explicação para tudo.
E pensa,
tenta!
A vida corre...
O pensamento se confunde.
O sono não vem...

(resgate de poesia: escrita em1970)
In Fiapos de Lucidez
rosangelaSgoldoni

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será bem-vindo!