Rascunho versos. Neles, sentimentos.

segunda-feira, 4 de junho de 2012

TELEMARQUETINGUÊS



TELEMARQUETINGUÊS

Há modismo que vão e  vem.
Alguns, incorporam-se.
Uma linguagem inusitada, conjungação reinventada que me incomoda e, acredito, a quem se expressa com um razoável português: é o telemarquetinguês.
Escapou por entre as mesas, cheias de fios e prestezas, instalando-se  nos balcões elegantes.
Vendedoras de boutiques” estarão entregando” sua roupa.
Lojas de móveis, "estarão entrando” em contato comigo,
É castigo?
“La langue de chez nous” também é bela,
de norte a sul uma “Aquarela.
do Brasil” e seus sotaques regionais.
Cansei deste gerundismo inadequado, empolado, na verdade, displicente.
Será que estamos fadados a trocar o português pelo “telemarquetinguês”?
 

©rosangelaSgoldoni
04 06 2012
RL T 3 706 144
Revisado em 16 06 2014
Pubicado em Fiapos de Lucidez

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será bem-vindo!