Rascunho versos. Neles, sentimentos.

quinta-feira, 7 de junho de 2012

MEUS RASCUNHOS



Arte: Emmanuel Garant


Meus versos, denomino-os por rascunhos.
Neles insiro sentimentos.
Acredito-os costurados
desde o alinhavar.
Mas posso acrescentar um bordado
aqui ou acolá;
um invisível cerzimento
sem macular a gestação.
Ao públicá-los, estanca-se o momento:
congelam-se no tempo
êxtases ou lamentos.
Os não publicados
continuam filhos queridos:
se precisarem, burilo,
mas a essência;
tem jeito não!
Sem discordar dos Mestres,
rascunho por opção.

©rosangelaSgoldoni
06 06 2012
RL T 3 710 895
Publicado na Antologia Poemas à Flor da Pele vol. 9 2015
Editora Somar Porto Alegre

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será bem-vindo!