quinta-feira, 7 de novembro de 2019

ARRUMAÇÃO



Uma freada inesperada sacudiu sua vida.
Estancado no vazio das impossibilidades
o presente demandava por um tempo
sem por quês ou lamentações.
Precisava vislumbrar um futuro acalorado:
desaceleração cercada por cuidados,
afagos,
paciências e
cortinas abertas.
Necessário despertar a luz que dormitava
entre ausências e
falências,
quase escuridão.
Refeito em feixes
numa explosão de sentidos,
o vivido abriu-se ao novo
ao raiar do dia,
estrela fugidia que se revelou.
Futuro presente em sementes de esperança
borrifaram perfumes e essências
no amanhecer distraído.
Acelerou!

©rosangelaSgoldoni
05 01 2019
RL T 6 789 540

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será bem-vindo!