Rascunho versos. Neles, sentimentos.

sábado, 1 de abril de 2017

LISBOA



Ibérica senhora,
renova-se em
História e elegância.
O Tejo,
que se debruça
sobre atlânticas águas,
antes tenebrosas
hoje estreito laço entre civilizações.
Do alto de suas colinas dispersam-se
 versos de Camões e Pessoa,
o fado e suas vibrações.
No segredo do sagrado de Sagres,
a Cruz de Malta dos Templários,
esperanças e Índias.
Além dos horizontes,
Tordesilhas.
Portugal
de Fátima,
Pastorinhas,
Porto,
Coimbra!
Lisboa,
rainha atemporal.

©rosangelaSgoldoni
15 03 2017
RL T 5 945 215

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será bem-vindo!