Rascunho versos. Neles, sentimentos.

segunda-feira, 17 de setembro de 2012

O SOL ME ESPERA




Manhã silenciosa,
Só pássaros a gorjear.
Abro janelas e cortinas:
a vida brilha
iluminada pelos raios de sol.
Não há buzina,
freada
ou coisa que o valha.
Eu,
solidão consentida,
varro minha varanda,
de ponta a ponta,
juntando palhas
caídas dos ninhos do telhado.
Faz algum tempo,
recolhi gravetos
esparramados na minha cama.
Mas isso é outra história.
O sol me espera!



©rosangelaSgoldoni
10 09 2012
RL T 3 885 877
Publicado na Antologia Mulheres Fascinantes Vol. I, 2012, Editora Delicatta, SP



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será bem-vindo!