Rascunho versos. Neles, sentimentos.

quarta-feira, 3 de maio de 2017

TRISTEZAS DE UM POVO





Há um gosto amargo,
desidratado de ilusões,
alimentado  por aves de rapina
que sobrevoam este povo sacrificado.
Abutres que farejam dinheiro
sem piedade,
insaciáveis!
Ó Deus,
Senhor de todas as vidas,
todas as terras e todos os céus,
livrai-nos desta nuvem escura e pesada
que nos embaça a visão.
Permiti-nos visualizar um gesto de compaixão
e arrependimento,
mesmo que distante da realidade:
que se nutram de verdades
confissão ou delação.
Rogamos pela paz e recursos essenciais
previstos na Constituição Brasileira.

©rosangelaSgoldoni
03 05 2017
RL T 5 988 971

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será bem-vindo!