Rascunho versos. Neles, sentimentos.

sábado, 26 de setembro de 2015

VALHA-ME VERSO!




Tarde fria e chuvosa!
Saudade impiedosa
aplacada
pelos versos de prontidão.
Garoa melancólica,
de triste memória,
a me desafiar.
Do nada,
o sol se faz presente,
ilumina o jardim:
a poesia flui!
Logo a quinta estrela parte
deixando-me,
destarte,
carente da criação.
Retomo, breve, o compasso:
do verso faço estandarte
do bloco dos desvalidos!

©rosangelaSgoldoni
O4 06 2015
RL T 5 266 494
Publicado na Antologia "Entre o Samba, o Fado e a Poesia" 2015
Comemorativa do II Encontro de Poetas da Língua Portuguesa
Dowslley Editora

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será bem-vindo!